De volta a AL, Trócolli evita falar sobre rompimento do PMDB: ‘Faço parte do bloco que apóia RC’

0
23

O deputado estadual, Trócolli Júnior (PROS), comentou nesta quarta-feira (10) que sua passagem pelo executivo enquanto secretário de Estado foi importante para o seu crescimento, porém vê sua volta à Assembleia Legislativa como parte da política. Trócolli foi exonerado da Secretaria de Estado de Articulação Política para recuperar na AL a vaga que era ocupada pela suplente, Olenka Maranhão (PMDB).

“É muito importante para a vida de qualquer homem público ocupar um cargo no executivo porque minha vida inteira, quase 25 anos de mandato, foram no legislativo. Esse 11 meses foram importantes para minha maturidade e aprendizado interior e rever muitos posicionamentos que tive sem conhecer de perto o que era a máquina administrativa”, disse.

Questionado se saia da secretaria contra sua vontade, Trócolli explicou apenas que faz parte do bloco que apóia o governo do Estado e “quem estiver no bloco está dentro, quem não estiver estará fora”. De acordo com o parlamentar, isto faz parte da política em qualquer lugar do Brasil, qualquer casa legislativa existe esse tipo de comportamento que aconteceu na Assembleia. “Fico muito tranqüilo de voltar a minha casa, lugar onde fui escolhido pela população paraibana para estar”, explicou.

O deputado também afirmou que sua experiência no executivo o possibilitou entender que é lá o lugar onde “você consegue fazer”, já o legislativo se propõe e reivindica: “O executivo você pode ajudar mais a população”.
Já sobre a decisão do PMDB às vésperas da convenção de apoiar o prefeito da Capital, Luciano Cartaxo (PSD) e romper com o governador Ricardo Coutinho (PSB), forçando a volta dele para a AL, o deputado limitou-se a afirmar que não pertence mais aos quadros do partido, mas que respeita a decisão peemedebista.

Comentários