Sem verba para deslocamento, Dilma lança campanha para receber doações e já arrecadou R$ 85 mil

0
32

Sem recursos para bancar as viagens pelo Brasil denunciando o “golpes”, a presidente afastada Dilma Rousseff (PT) lançar, nesta quarta-feira (29), campanha em plataforma digital para arrecadar doações para financiar os deslocamentos.

Afastada, Dilma só pode usar os aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) para deslocamentos Brasília-Porto Alegre. Para outros trechos, a petista deve ressarcir os cofres públicos de acordo com os gastos. Para complicar ainda mais, a presidente tem enfrentado a resistência de aliados a bancar as viagens.

Dilma precisou cancelar a visita programa para esta semana ao Ceará pela recusa do governador Camilo Santana (PT) e do ex-governador Cid Gomes (PDT) a bancarem o avião. A resistência dos dois deve ter sido uma surpresa, já que, quando estava no poder, Camilo e Cid gozaram de todas os benefícios que um aliado na presidência pode oferecer, inclusive o cargo de ministro da Educação, ao qual Cid aceitou de bom grado.

Comentários