Serviços já começam a funcionar na nova Central de Polícia de JP

0
48

A nova Central de Polícia Civil de João Pessoa vai começar a atender ao público a partir desta terça-feira (1º), com registro de Boletim de Ocorrência pela população durante 24h e funcionamento de uma Central de Flagrantes. O novo prédio está na entrada do Conjunto Ernesto Geisel, às margens da BR-230, em frente ao Estádio Almeidão, e vai funcionar com mais de 200 servidores policiais.

Funcionam a partir desta terça-feira na nova Central de Polícia as delegacias especializadas de Homicídios, Roubos e Furtos, Defraudações e Falsificações, Infância e Juventude e ainda a Central de Flagrantes. Tanto a Delegacia de Homicídios, quanto a Infância e Juventude atenderão em regime de plantão 24 horas.

Ao lado da Central de Polícia Civil, passa a atender também mais uma Delegacia da Mulher na Capital, sem que haja qualquer alteração no funcionamento da que já existe na Avenida D. Pedro II, no Centro da Capital. As outras delegacias especializadas que funcionavam na Central de Polícia do bairro do Varadouro, passam a atender na nova estrutura nos próximos dias.

O delegado Marcos Paulo, titular da 1ª Superintendência de Polícia Civil, explicou que a nova delegacia deve desafogar todas as distritais de João Pessoa.

Ainda segundo ele, no período de plantão, das 18h às 8h, a Central de Flagrantes vai abranger os procedimentos relativos à 9ª DD, e da 1ª e da 2ª DD, que ficam no Centro de João Pessoa.

Marcos Paulo também destacou que a centralização dos flagrantes deve agilizar o andamento dos processos investigativos, pois a Polícia Militar pode conduzir presos de maior idade e menores apreendidos sem precisar se deslocar para outros bairros.

Comentários