Polícia cumpre mandados contra suspeitos de aplicar golpe de R$ 10 milhões em João Pessoa

0
25

Uma operação conjunta da Polícia Civil da Paraíba e do Rio Grande do Norte cumpriu nessa segunda-feira (12) cinco mandados de busca e apreensão em Campina Grande, João Pessoa e Natal (RN), em diligências que investigam uma associação criminosa que já causou um prejuízo de mais de R$ 10 milhões a 40 empresas.

A investigação da Operação Caduceo é da 12ª Delegacia Seccional (sede em Esperança-PB) e contou com o apoio da Divisão Especializada em Investigações e Combate ao Crime Organizado (Deicor/PCRN) e da Delegacia de Defraudações de João Pessoa.

Nas buscas, vários documentos também foram apreendidos para subsidiar o Inquérito Policial. De acordo com o delegado seccional Cristiano Santana, empresas de vários estados foram lesadas por esse grupo criminoso.

“São golpistas do Rio Grande do Norte que se instalaram na cidade de Esperança, alugaram um galpão no Centro da cidade e passaram a operar como distribuidora de produtos diversos. No início, esse grupo criminoso comprava quantidades menores aos fornecedores, mas com o passar dos meses, foram adquirindo a confiança e aumentando seu score, adquirindo gradativamente um volume maior de mercadorias. Até que, entre março e abril do corrente ano, eles fizeram compras milionárias a diversos fornecedores e desapareceram”, detalhou o delegado.

Quando constataram a fraude, os comerciantes vítimas da quadrilha procuraram a Polícia Civil para a registar o fato. As investigações já identificaram três envolvidos nos crimes.

“Conseguimos, inclusive, a prisão temporária deles. Estamos em contato com as polícias dos estados vizinhos para tentar localizar e prender essas pessoas”, disse Cristiano Santana.

MaisPB

Comentários