Secretário de Saúde de Patos morre em decorrência da Covid-19

0
18

O secretário de Saúde do município de Patos, Eisenhower Alves de Brito Segundo, morreu na tarde desta sexta-feira (4) em decorrência da Covid-19. Ele estava internado desde domingo (30) no Hospital de Clínicas, em Campina Grande, após ser transferido do Complexo Hospitalar Regional de Patos, devido a gravidade do estado de saúde.

Segundo tinha 42 anos, e estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Clínicas de Campina Grande, onde foi entubado devido ao quadro geral gravíssimo, com 90% do pulmão comprometido, mas não resistiu e veio a óbito na tarde de hoje.

O secretário também era vereador do município de Patos, no sertão do Estado. Ele foi o 3º mais votado na cidade, com 1.190 votos em 2020 pelo partido Republicanos.  O parlamentar foi nomeado secretário de Saúde da cidade em janeiro de 2021, pelo prefeito Nabor Wanderley.

Formado em Veterinária, Segundo também era engenheiro Civil em formação pela UNIFIP e já havia sido secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão da prefeitura de Patos.

ALPB lamentou morte

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino, em nome de todos os deputados e servidores da Casa de Epitácio, lamentaou a morte do secretário de Saúde de Patos, Eisemhorwer Alves de Brito Segundo, 42 anos, ocorrida nesta sexta-feira (04), em Campina Grande, em decorrência da Covid-19.

“Infelizmente a Paraíba perde mais um filho para esta doença terrível. Fica o reconhecimento de todos os deputados e servidores da Casa Epitácio Pessoa para esse jovem líder do Sertão paraibano”, destacou Adriano.

Comentários