Empresas de ônibus da Grande João Pessoa suspendem as integrações metropolitanas

0
253

As integrações metropolitanas que ligam João Pessoa aos municípios de Bayeux, Cabedelo, Conde, Jacumã e Santa Rita, que permitiam que o passageiro pagasse apenas uma passagem entre a capital paraibana e um desses municípios, vão ser suspensas a partir de quarta-feira (19) por decisão unilateral do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros no Município de João Pessoa (Sintur-JP).

A entidade que reúne as empresas de ônibus que circulam na região enviou nota nesta segunda-feira (17) dizendo que comunicou o Departamento de Estradas de Rodagem da Paraíba (DER-PB) e a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP) informando da decisão. Ela alega que “dificuldades econômico-financeiras para manter o equilíbrio do sistema de transporte público em João Pessoa e na região metropolitana” motivaram a decisão.

A reportagem entrou em contato com o DER e com a Semob para buscar o posicionamento dos respectivos órgãos. O DER não respondeu às chamadas. A Semob informou que foi notificada, mas que esse serviço, por ser intermunicipal, é fruto de um acordo entre o Sindicato das empresas com o DER. A Semob informou ainda que as integrações de João Pessoa, que funcionam dentro da própria cidade, seguem ativas.

A nota da Sintur confirma essa informação. E deixa claro que é apenas a integração entre João Pessoa e as outras cidades, que podia ser realizada através do cartão Passe Legal, que fica provisoriamente suspensa.

A intenção do Sindicato, ainda de acordo com a nota, é dialogar com o poder público para encontrar uma solução para as dificuldades do setor.

Comentários