Nove partidos já procuraram Wilson Filho e o pai após PTB afastar Wilson Santiago do comando do partido na Paraíba

0
19

Nove partidos já procuraram Wilson Filho e seu pai, após o PTB afastar Wilson Santiago do comando do partido na Paraíba. Tudo aconteceu após Wilson Santiago não votar durante a votação do Projeto de Lei nº 4754, que propunha o impeachment de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), em caso de usurpação de poder do Congresso Nacional. O projeto quer combater o chamado ‘ativismo judicial’.

Em contato feito pelo ClickPB, Wilson Filho repassou a informação, através de assessor, que nove partidos fizeram contato com ele e com seu pai. Os nomes dos partidos não foram revelados.

Desde a votação, que simbolizou derrota para a ala bolsonarista, o PTB afastou Wilson Santiago da presidência do PTB na Paraíba e o coronel Meira, presidente do PTB Pernambuco e membro da direção nacional, encaminhou, no dia 6 de maio, à Executiva Nacional da legenda, o pedido de abertura de processo disciplinar contra os deputados federais Wilson Santiago e Maurício Dziedricki (PTB-RS).

“Essa solicitação vem a tona por entender que ambos os parlamentares têm defendido bandeiras escusas às orientações Estatutárias do PTB Nacional. Somos um partido conservador que vem travando grandes batalhas em favor da moralização política no Brasil. O pedido de afastamento se deu pelo fato ocorrido no último dia 05 de maio, quando na CCJC foi apresentado o substitutivo ao PL. 4754/16, que tipifica como crime de responsabilidade, a usurpação de poderes do Congresso Nacional. Para completar, o deputado Wilson Santiago Filho registrou presença na CCJC e não votou, enquanto que o deputado Maurício Dzedricki não foi à comissão, mas estava no plenário da Câmara Federal: com as ausências, o PTB não teve voto e o substitutivo foi rejeitado”, disse o coronel Meira, nas redes sociais.

Quando afastado, Wilson Santiago se disse surpreso. Agora os nove partidos já procuraram Wilson Santiago e Wilson Filho, enquanto o PTB já fez reunião com Nilvan Ferreira, que deve estar de saída do MDB. Cogita-se que o PTB queira, também, filiar Cabo Gilberto e Moacir Rodrigues.

Comentários