Agentes de Segurança, Salvamento e Forças Armadas são incluídos no grupo prioritário de vacinação contra Covid-19

0
9

O Ministério da Saúde emitiu nota técnica, nesta quarta-feira (31), na qual inclui as Forças de Segurança como um grupo prioritário para vacinação contra a Covid-19.

Ontem (30), governadores do NE enviaram ofício pedindo a inclusão dos agentes e de profissionais da Educação como “prioridade das prioridades”. Secretários de Segurança Pública do país e o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) também já haviam feito a solicitação.

A nota deixa claro quais são as prioridades dentro dos agentes de Segurança, Salvamento e Forças Armadas:

Trabalhadores do atendimento e transporte de pacientes;
Trabalhadores que estão no resgate e atendimento pré-hospitalar;
Profissionais de segurança diretamente envolvidos na vacinação;
Trabalhadores das ações de vigilância das medidas de distanciamento social, com contato direto e constante com público, independentemente das categorias.

De acordo com o documento, quem não estiver enquadrado nessas atividades deve ser vacinado seguindo o Plano Nacional de Imunização.

As doses para esses profissionais vão ser distribuídas desde que não haja prejuízo para a vacinação de grupos de maior risco, como idosos e pessoas com comorbidades.

A imunização vai começar a partir da próxima semana. Os novos lotes com imunizante, enviados a estados e municípios, já devem chegar considerando essa mudança nas prioridades da vacinação.

Comentários