Governador defende o fechamento das escolas, casas de eventos, igrejas, bares e orla de João Pessoa

0
7892

O governador João Azevêdo anunciou na manhã de hoje (22), durante entrevista que vai defender durante a reunião com gestores da saúde, prevista para ainda nesta segunda, que os bares, restaurantes, igrejas, escolas e orla de João Pessoa, fechem durante 15 dias, além do toque de recolher.

João justificou que João Pessoa e outros mais de 130 municípios estão na bandeira laranja proibindo estabelecimentos de abrirem.

O governador disse que a Paraíba está em pico da pandemia depois que medidas foram relaxadas e o sistema de saúde está em quase colapso.

Comentários