Apenas um município paraibano é classificado na bandeira verde no Plano Novo Normal

0
1164

A 19ª avaliação do Plano Novo Normal Paraíba que passa a vigorar a partir desta segunda-feira (22) aponta que apenas o município de Baía da Traição foi classificado com a bandeira verde, o que corresponde a 0,4%. Enquanto isso, 62% das cidades paraibanas (138) estão classificadas na cor laranja; 35% (78) municípios estão classificados em bandeira amarela; e os municípios de Cacimbas, Catingueira, Cuité de Mamanguape, Igaracy, São José do Bonfim e São Mamede são os únicos classificados na bandeira vermelha, onde deverão ter mobilidade impedida.

De acordo com o secretário executivo de Gestão da Rede de Unidades de Saúde, Daniel Beltrammi, as medidas adotadas pelo Governo do Estado da Paraíba, entre os dias 12 e 17 de fevereiro, dedicadas a atenuar os riscos e efeitos negativos do período carnavalesco, não receberam a adesão necessária de parte da população paraibana e destaca que a temporada de verão no litoral e balneários paraibanos merece o máximo empenho de todas as paraibanas e paraibanos no sentido de seguirem usando máscaras com frequência e não continuarem se aglomerando.

“Muitas pessoas seguiram reunindo-se em festividades, bares e restaurantes, abandonando o uso de máscaras e colocando em risco, não apenas sua própria saúde, mas também a de todas as pessoas com quem convivem. É preciso ter em mente que o mês de janeiro e a primeira quinzena do mês de fevereiro de 2021 foram marcados por expressivo aumento das ocupações dos leitos hospitalares dedicados à Covid-19, em especial dos leitos de terapia intensiva dedicados a pacientes adultos. Os números desta avaliação refletem o repique no estado”, ressaltou.

Entre 23 de janeiro e 06 de fevereiro, foram internadas para tratamento da Covid-19 em rede pública referenciada no estado 340 pessoas. Já no período seguinte, de 07 a 20 de fevereiro, foram internados 458 pacientes. Em números absolutos, isso significa um aumento de 118 internações apenas em leitos SUS. Ainda de acordo com a avaliação do Novo Normal, a Paraíba apresenta 35% dos municípios na bandeira amarela, uma redução de 54% em relação à avaliação anterior. Já a bandeira verde teve sua participação reduzida de 1% para 0,4% dos municípios paraibanos.

“Mudanças da situação epidemiológica que venham a afetar o sistema de saúde devem ser alvo de medidas efetivas imediatas, para que se possa conter ainda piores desdobramentos, na forma de crescimentos acelerados de casos, óbitos e internações hospitalares, o que poderá agravar ainda mais as dimensões de sofrimento humano e social em todo estado. O coronavírus depende de encontros e convívio social com proximidade entre pessoas para continuar se propagando. A decisão de manter-se seguro e protegido individualmente é fundamental para a saúde de todos”, reforça o secretário executivo.
A análise da 19ª avaliação do Plano Novo Normal ratifica a recomendação de máxima atenção dos gestores e autoridades sanitárias municipais no sentido de garantir o monitoramento efetivo dos indivíduos com sintomas gripais relacionados à Covid-19 (tosse seca, dor no corpo, cefaleia, febre, dor de garganta, perda de olfato e do paladar) e de seus contatos próximos, por meio das equipes da saúde da família na atenção primária, recomendando-se a coleta de swab nasal dos sintomáticos, para realização do exame diagnóstico de maior acurácia para Covid-19, o RT-PCR, pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB).

Comentários