Prefeito paraibano renuncia ao mandato e Câmara dará posse ao vice de 24 anos na quarta (10)

0
36

O prefeito eleito de Condado, Jorge Henrique de Almeida (PL), entrou a carta-renúncia à Câmara Municipal, no final da tarde desta segunda-feira (08). Ele já estava licenciado, devido a um quadro de depressão, e decidiu renunciar ao mandato. Quem assume é o prefeito em exercício Marcelo Bezerra, também do PL, e que tem 24 anos.

Na carta encaminhada à Câmara, Jorginho, como é conhecido, afirma que ao se lançar candidato e ser eleito prefeito de Condado, sempre teve a intenção de trabalhar pela população e pelo município.

“Infelizmente, as adversidades e limitações a mim impostas, decorrentes de um quadro de depressão que venho enfrentando nos últimos meses, estão me impedindo de honrar com a fidelidade e dignidade necessárias às promessas que me comprometi a realizar em prol do desenvolvimento, bem-estar e melhorias para o povo de Condado”, diz Jorge na carta.

E continua: “Nessa condição, compreendo ser mais nobre, me tratar e recuperar minha saúde, já que no momento nao me encontro em possibilidade de assumir as responsabilidades a mim atribuídas na administração do município”.

Ao final, o gestor, eleito com 56,92% dos votos válidos, no 1º turno das eleições de 2020, pede desculpas aos eleitores “que venha a se sentir ofendido com o presente ato”.

A Câmara de Condado já convocou sessão solene, com a presença de todos os nove vereadores que integram a Casa, para a posse do vice-prefeito, que está prevista para as 19h da próxima quarta-feira (10). Marcelo Bezerra é irmão de criação do ex-prefeito Caio Paixão, que deixou o mandato em dezembro de 2020.

Com Sony Lacerda

Comentários