Laudo aponta “Trombo Cardiopulmonar” como causa da morte da mulher trans, Giselle Sakai, em João Pessoa

0
3618

O laudo do Instituto de Medicinal Legal de João Pessoa confirmou que a mulher trans Giselle Sakai, 32 anos, morreu em decorrência de um “Trombo Cardiopulmonar”, ou embolia pulmonar, como é conhecido. Segundo amigos, ela teria feito um procedimento estético recentemente e essa intervenção cirúrgica pode ter agravado do estado de saúde de Giselle.

Ontem (5) no final da tarde ela passou mal no AP onde morava, chegou a ligar para uma amiga avisando que não estava bem, mas quando a amiga chegou Giselle morreu antes de receber atendimento médico.

O corpo será enterrado na tarde de hoje (6) no cemitério Santa Catarina, no bairro dos Estados, em João Pessoa.

Comentários