Covid-19: Ministério Público vai apurar vacinação de prefeito na Paraíba

0
41

O Ministério Público vai apurar a vacinação do prefeito de Pombal, Abmael de Sousa Lacerda, conhecido como Dr. Verissinho, de 66 anos. O gestor foi a primeira pessoa vacinada na cidade e alegou que o fez por ser médico e, apesar de não estar trabalhando na linha de frente, sempre atende pessoas com Covid-19.

O promotor de Justiça, Leidmar Almeida Bezerra, informou nesta quarta-feira (20), que o procedimento vai investigar se o prefeito está enquadrado no grupo prioritário. “Ele é médico, mas é preciso investigar se ele está na linha de frente do combate ao novo coronavírus e averiguar se outras pessoas que não estão no grupo prioritário também foram vacinadas. A partir daí, o Ministério Público vai tomar as medidas cabíveis em relação a um suposto benefício pessoal na implementação do plano de vacinação”, disse.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), em nota técnica, a prioridade de vacinação entre os profissionais de saúde é para quem está trabalhando na UTI Covid-19, enfermarias que tratam pacientes com a doença ou no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), além de equipes de vacinação que estejam envolvidas no plano.

Comentários