Ricardo Coutinho recebe autorização do STJ para sair de casa à noite

0
321

O ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), não precisará mais cumprir o “recolhimento noturno” imposto como uma das medidas cautelares no âmbito da Operação Calvário. A Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu hoje (6) livrar o pré-candidato à prefeitura de João Pessoa da restrição.

A ministra Laurita Vaz foi contra a decisão, mas teve seu voto vencido pelos demais componentes da Sexta Turma do STJ.

O recolhimento noturno obrigava Ricardo Coutinho a se recolher das 20h às 5h. Em outro recurso impetrado anteriormente, o socialista havia conseguido se livrar da tornozeleira eletrônica, alegando possíveis contaminações pelo novo coronavírus. Neste caso, a decisão foi do ministro Gilmar Mendes, do STF.

Sem a obrigação de recolhimento noturno, Ricardo Coutinho ficará livre para participar de atividades de campanha no período da noite. Ele, contudo, já havia afirmado que não iria aos debates porque estariam sendo repletos de “baixarias”.

Comentários