PRF prende dois homens com 5 kg de cocaína e maconha na divisa PB/RN

0
54

A Polícia Rodoviária Federal na Paraíba e no Rio Grande do Norte prendeu dois homens transportando 3 kg de cocaína e 2 kg de maconha. A apreensão ocorreu na noite da última terça-feira (29) no município de Mataraca, próximo à divisa com o Rio Grande do Norte.

Os policiais realizavam rondas na BR 101 quando abordaram o veículo Chevrolet Onix. Ao realizar fiscalização no interior do automóvel, a equipe percebeu um forte odor de maconha vindo do porta-malas. Quando verificaram o compartimento, encontraram 3 kg de cocaína e 2 kg de maconha em tabletes prensados e embalados. O condutor do veículo, um homem de 36 anos, informou aos policiais que recebeu a droga na cidade de Joinville, em Santa Catarina, e levaria para a praia de Pipa, no Rio Grande do Norte. Afirmou ainda que receberia a quantia de R$ 8 mil pelo transporte das substâncias ilícitas e que não sabia exatamente onde entregá-las, mas receberia uma ligação para saber o local exato e a pessoa que receberia a droga.

Durante o procedimento, o homem recebeu a ligação esperada e a pessoa que receberia a droga informou que iria até as proximidades de um posto fiscal desativado, localizado na BR 101, km 174, município de Baía Formosa, no Rio Grande do Norte.

Os policiais aguardavam a chegada do receptador da droga quando um veículo Ford Edge entrou no pátio do posto fiscal. As equipes se aproximaram do veículo para realizar abordagem quando o condutor não obedeceu ordem de parada e iniciou fuga em alta velocidade. Após acompanhamento tático por cerca de 26 quilômetros, o condutor perdeu o controle do veículo e só parou após colidir em um divisor de fluxo da rodovia. Após a colisão, os policiais abordaram o veículo. O condutor, um homem de 44 anos, não se feriu com a colisão. Ele afirmou aos policiais que a droga seria dele, que pagaria o valor de R$ 30 mil e lucraria com a revenda.

A equipe deu voz de prisão aos dois homens. Eles foram detidos, encaminhados à Polícia Civil do município de Mamanguape, na Paraíba, e deverão responder pelo crime de tráfico de drogas.

Comentários