Justiça nega pedido para anular pleito e mantém eleição indireta para Prefeitura de Bayeux

0
18

A Justiça da Paraíba decidiu na manhã desta terça-feira (11), manter as eleições indiretas na cidade de Bayeux, na Paraíba. A decisão foi do juiz Miguel de Brito Lyra Filho, e acontece após a Câmara Municipal entrar com um recurso para barrar a eleição indireta.

Segundo a Câmara de Bayeux a Emenda nº 01/2019 é nula por ausência de publicação no Diário Oficial do Município.

O juiz Miguel de Brito afirmou na sua decisão que de acordo com a Lei Orgânica Municipal, a emenda é promulgada pela Mesa, o que aconteceu.

A Câmara Municipal de Bayeux deverá realizar a eleição indireta nesta quinta-feira (13). Seis chapas concorrem à eleição indireta para Prefeitura de Bayeux.

Além do prefeito interino Jefferson Kita e do presidente da Câmara, Inaldo Andrade, também concorrem Carlos Antônio dos Santos, Luciene Andrade Gomes Martinho (Luciene de Fofinho) e Ardinildo Moraes dos Santos.

Os candidatos eleitos para os cargos de prefeito e vice-prefeito tomarão posse no Plenário da Câmara Municipal, em sessão solene, às 19h do dia 15 de agosto.

Comentários