Moradores de Ingá fazem cortejo para homenagear prefeito Manoel da Lenha, morto por covid-19

0
1112

Apesar da morte por covid-19, moradores de Ingá – cidade que fica no Agreste paraibano – acompanham na tarde desta quinta-feira (16), o cortejo do corpo do prefeito Manoel Batista Chaves Filho, mais conhecido por Manoel da Lenha, 64 anos. Além das viaturas da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, centenas de pessoas em motos e carros seguiram até o sepultamento do gestor municipal.

Manoel da Lenha morreu após 11 dias testar positivo para covid-19. Desde o diagnóstico da doença, o gestor municipal ficou internado em um hospital particular na cidade de Campina Grande, a 37 km de distância uma da outra.

No último dia 5 de julho, em nota, a prefeitura informou a população que o prefeito havia testado positivo para covid-19 e por conta de suas comorbidades e a idade, Manoel da Lenha, como é mais conhecido na cidade, decidiu ficar internado e com observações médicas. Mesmo doente e internado, o prefeito, que é rompido politicamente com o vice-prefeito, não pediu licença do cargo.

Na segunda-feira (13), Robério Lopes Burity (PDT), que é o vice-prefeito, protocolou um requerimento na Câmara Municipal de Vereadores para pedir informações oficiais do quadro de saúde do prefeito e com isso, assumir a prefeitura. Somente nesta quarta-feira (15), Burity assumiu, sobre protestos da população, interinamente a administração municipal.

Veja o vídeo:

Comentários