Famup emite nota e lamenta morte do prefeito de Ingá, Manoel da Lenha

0
24

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) lamentou a morte do prefeito de Ingá, Manoel da Lenha. Manoel morreu nesta quinta-feira (16), vítima do novo Coronavírus.

O prefeito estava internado em um hospital particular de Campina Grande, e apresentou complicações causadas pelo vírus.

A Famup se solidarizou com os familiares e segue o presidente da Federação, George Coelho, é um absurdo “fazer uma campanha eleitoral em meio a uma pandemia que está matando milhares de pessoas”.

Confira a nota:

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) lamentou, nesta quinta-feira (16), a morte do prefeito de Ingá, Manoel Batista Chaves Filho, mais conhecido como Manoel da Lenha, aos 64 anos, por complicações causadas pelo coronavírus. O gestor estava internado em hospital particular de Campina Grande desde o início de junho, tendo o quadro de saúde agravado no dia 5 deste mês quando teve que ser levado a UTI.

“Lamentamos a morte desse grande gestor que esteve sempre conosco nas lutas municipalistas e que trabalhou pelo bem do seu povo. Deixamos aos familiares, amigos e a toda população de Ingá os nossos mais profundos votos de pesar. É muito triste termos que nos despedir dessa forma tão brusca por conta desse inimigo invisível. Que fique aqui o registro que já faço há muito tempo, de que daqui para o dia da eleição essas perdas devem se repetir. Por isso, é um absurdo fazer uma campanha eleitoral em meio a uma pandemia que está matando milhares de pessoas”, destacou George Coelho, presidente da Famup.

Manoel da Lenha foi eleito em 2012 e reeleito em 2016 pelo PSD com 54,95% dos votos válidos em uma coligação formada pelo PRB, PP, PRP, PR, PSB, PSDC, DEM, PHS, REDE, PSC e PT do B. A população de Ingá em 2018 foi estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 18.101 habitantes, distribuídos em 288 km² de área.

Comentários