Prefeitura de Alhandra contrata costureiras para produção de 8 mil máscaras que serão doadas à população

0
31

Um reforço na prevenção contra a transmissão do coronavírus e, ao mesmo tempo, uma ação que irá melhorar a renda de costureiras da cidade. Esta é a combinação de uma iniciativa da Prefeitura de Alhandra, que através da Secretaria da Ação Social contratou os serviços dessas profissionais para a produção de 8 mil máscaras, que serão distribuídas gratuitamente à população.

Com a dificuldade em se encontrar o equipamento de proteção individual, com preço acessível, a confecção de máscaras caseiras tem se tornando um fenômeno mundial. Por conta disso, o Ministério da Saúde lançou uma campanha digital pela mobilização da população para fabricar as próprias máscaras de pano. Segundo o ministério, além de eficiente, é um equipamento simples, que não exige grande complexidade na sua produção e pode ser um grande aliado no combate à propagação do coronavírus.

Neste final de semana, algumas máscaras confeccionas foram entregues nas feiras livres de Alhandra e Mata Redonda, serão entregues também em bancos e lotéricas na cidade.

A costureira Deusdenia Araújo representa uma de nossas cidadãs que estão participando dessa ação, e principalmente, como ela faz questão de relatar, “contribuindo na construção dessa história”.

Satisfeita com o trabalho que vem sendo desenvolvido, a secretária de Ação Social, Fabiana Lins, explicou o motivo que a levou a contratar as costureiras para fazer o arremate. “Com essa crise da pandemia, muitas costureiras ficaram sem serviço. E a confecção das máscaras tornou-se uma renda para elas também”, afirmou a secretária.

Comentários