Júri absolve todos os acusados pelo assassinato do radialista Ivanildo Viana

0
98

Sete acusados de assassinar o radialista Ivanildo Viana foram absolvidos durante julgamento realizado nessa quinta-feira (27), no Fórum Criminal de João Pessoa, que durou mais de 15 horas. Por falta de provas, todos foram considerados inocentes. Um dos réus está foragido.

Segundo a denúncia, o crime aconteceu dia 27 de fevereiro de 2015, por volta das 11h30, quando o radialista estava na sede da Rádio 100.5 FM, no Centro de Santa Rita. Ao sair da emissora, em sua moto com destino a João Pessoa, foi seguido e assassinado em um dos trevos da BR-230.

O réu conhecido como ‘Má’, na garupa também de uma moto, teria sido o responsável pelos disparos que causaram a morte da vítima. As investigações policiais revelaram que o Sargento Arnóbio encomendou a morte de Ivanildo Viana pelo valor de R$ 75 mil aos executores, com a intermediação do Sargento Erivaldo e do Sub Olinaldo, que teriam contratado outros autores do crime. A quantia de dinheiro seria depositada na conta do apenado identificado como Leonardo José Soares da Silva, o ‘Bode Roco’, e rateada entre os envolvidos.

Comentários