Polícia suspeita que morte de pai de santo tenha sido execução; foram 10 tiros

0
59

Tratado a priori como latrocínio, a morte do pai de santo região de Gramame, em João Pessoa, neste domingo (15), levou uma guinada após a perícia identificar indícios de execução. O delegado Paulo Josafá, contou que não há evidências para latrocínio, mas nenhuma linha de investigação será descartada.

O crime pode ter sido motivado por intolerância religiosa, já que foi constatado que um altar de santo na entrada da casa foi destruído, porém, o autor do crime não mexeu no terreiro.

Outro fator que aponta para a possibilidade de execução é que o pai de santo foi morto com 10 tiros. Além disso, toda a comunidade sabia que tanto ele, quanto seu companheiro estavam desempregados e viviam de doações. A casa também era humilde e não tinha muro.

Comentários