Laboratório é condenado a pagar indenização por diagnosticar paciente com câncer, na PB

0
27

Um laboratório de exames foi condenado pela Justiça da Paraíba por danos morais devido a um erro de diagnóstico. De acordo com a decisão, a paciente teria sido diagnosticada com câncer de útero incorretamente.

Segundo o Tribunal de Justiça da Paraíba, a paciente teria se submetido a uma cirurgia ginecológica, sendo recolhido material para biópsia. O resultado teria apontado um câncer de útero, que levou a mulher a desenvolver um quadro de depressão, pois já havia perdido um tio com câncer, além de ter sido abandonada pelo ex-companheiro, que alegou não querer estar com uma pessoa doente.

A defesa do laboratório alegou que, apesar do erro no resultado do exame, não houve dano pois a paciente já sabia que não havia sido extraído fragmento de seu útero e deveria concluir que o resultado do exame não seria seu.

A Justiça condenou o laboratório a pagar uma indenização no valor de R$ 5 mil à paciente, mas da decisão cabe recurso. O G1 entrou em contato com a Luppa Laboratórios Unidos de Patologia da Paraíba Ltda mas não foi atendido.

Com G1

Comentários