Prefeito de Pedra Lavrada denuncia desvio de verba da merenda escolar estadual e diretora culpa sua vice

0
96

O prefeito de Pedra Lavrada, Seridó paraibano, Jarbas Melo (PSD), vem denunciando uma série de irregularidades na Escola Estadual Graciliano Fontini Lordão, entre elas, o desvio de recursos da merenda escolar. Após o gestor denunciar o caso, a diretora Luzia Helena Dantas confirmou e atribuiu à vice-diretora o crime de apropriação do dinheiro público.

Em vídeos nas redes sociais, o prefeito confirmou que acionou a Secretaria de Educação do Estado da Paraíba e a 4ª Gerência Regional de Educação para que expliquem a má gestão da Escola Fontini Lordão, que tem trazido prejuízos para os alunos.

“É bom que você cidadão, você lavradense que tem aluno na escola estadual, procure a direção procure se informar do que está acontecendo com o dinheiro da merenda pra onde estava indo esse dinheiro para que as coisas sejam realmente esclarecidas e sejam investigadas”, disse

Após a repercussão negativa, a diretora da unidade se disse traída pela vice-diretora Séfora Maria Porto de Sousa, que também é coordenadora administrativa financeira da unidade de ensino estadual. O caso foi descoberto, segundo a diretora, após receber a cobrança de um fornecedor pelo pagamento dos produtos.

A vice-diretora da escola teria desviado cerca de R$ 8.706,86, através de seis transferências bancárias variando entre R$ 990 e R$ 2 mil.

“Infelizmente quem sofre com isso é o povo, é o estudante, é a população que paga os impostos. A Secretaria de Educação do Estado precisa dar uma resposta imediata para que outros problemas não apareçam devido a má gestão da escola Fontini Lordão”, falou o prefeito Jarbas Melo.

Comentários