Ludmilla e Brunna trocam alianças e respondem perguntas de fãs em vídeo

0
1066

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Brunna, bailarina e namorada de Ludmilla, 24, prometeu fazer um vídeo aos fãs assim que completasse 1 milhão de seguidores no Instagram. “Esse momento chegou!”, comemorou a dançarina.

As duas falaram sobre o sonho de viajarem juntas para as Maldivas e trocaram alianças. Vão se casar? “Sim”, respondeu rapidamente Brunna. Ludmilla fez um pouco de drama, dizendo que ainda vai demorar um pouco para isso acontecer, mas surpreendeu a namorada com uma aliança de compromisso.

Ela conta que se conheceram no primeiro show em que Ludmilla se apresentou com esse novo nome artístico. Antes, a cantora era conhecida como MC Beyoncé. “Lembro que cheguei no camarim e ela estava de bota rosa e um shortinho…Eu olhei pra ela e pensei: ‘gente, que xuxuzinho”, brincou Ludmilla.

As duas ficaram muito amigas por um bom tempo. Só que começaram a sentir muito ciúme uma da outra. Foi quando sentaram para conversar. “Ela veio pra cima de mim”, diz Brunna. “Atitude é tudo, né mores?”, respondeu Ludmilla.

Hoje em dia, elas praticamente moram juntas. “Eu durmo aqui [na casa da Ludmilla], porque é mais fácil ir para o aeroporto, aí acaba que estamos juntas sempre. Eu tenho minha casa em Nilópolis, mas fico bastante na Ilha do Governador”, diz Brunna.

Elas estão se sentindo completamente livres agora. “Eu e a Brunna sempre fomos muito carinhosas, muito amorosas, e era uma coisa que a gente tinha que ficar disfarçando, se contendo. Se ela viesse mexer no meu cabelo, eu já falava: ‘Bru, calma'”, conta Ludmilla.

Brunna também não vê problemas em namorar alguém famoso. “Antes era mais difícil porque, se eu sentisse ciúme, tinha de ficar me contendo”, afirma. As duas falam que conversam muito sobre assédio dos fãs.

ASSUMINDO O NAMORO

Foi um alívio para Ludmilla assumir o seu namoro com a bailarina Brunna. Recomendada a dar um tempo antes de abrir a relação ao público, a cantora revela que conversava em códigos com os amigos na frente de outras pessoas.

Ela sentiu, no entanto, o resultado da revelação. “Apareceram várias pessoas querendo fazer comerciais, dar patrocínios, mas também perdi contratos”, disse em entrevista à revista Ella, do jornal O Globo.

A mãe dela, Silvana Oliveira, afirmou que a parte mais importante para Ludmilla é poder compartilhar momentos com a namorada. “Fiquei muito feliz ao ver a felicidade dela em poder estar com a Brunna onde ela quiser”, disse na entrevista.

Ludmilla já havia dito que a história com Brunna foi longa. Elas ficaram algumas vezes há dois anos e a cantora se esquivou, até que a “paixão pegou”. Há mais de sete meses juntas, ela decidiu que era o momento de o mundo saber sua história real.

A cantora disse já lidar com muito mais do que assumir a sua bissexualidade. “Vivi por muito tempo essa angústia. Já sou uma pessoa que carrega uma mochila lotada de preconceitos. Negra, funkeira, periférica, bissexual…Pesado, né? A maioria dos hipócritas não suporta isso. Tem que ter muita disposição para assumir tanta coisa”.

Comentários