Identificada a mulher que foi assassinada em tentativa de assalto a Uber, em João Pessoa

0
3926

Foi identificado o corpo de mulher que foi morta na noite desse domingo (27) durante uma tentativa de assalto a um motorista de aplicativo. O caso aconteceu no bairro do Roger, em João Pessoa. A vítima foi Cleumar Moreira da Silva, de 55 anos, conhecida como Cléo Lima. Ela foi atingida por um tiro na nuca e morreu na hora.

A Polícia Civil informou que ela havia acabado de entrar num carro que pediu por meio de aplicativo, quando assaltantes abordaram o veículo e atiraram.

De acordo com a família, Cléo havia chegado neste domingo de Recife, onde mora, almoçou com a família no bairro do Roger e à noite saiu para encontrar com amigas no bairro da Torre.

A vítima, então, chamou um veículo por aplicativo e enquanto o carro manobrava na rua para pegá-la a mãe percebeu que uma motocicleta seguia o motorista. Cléo entrou rápido e o condutor acelerou para evitar o assalto. Um dos assaltantes chegou a segurar na porta do carro, mas não conseguiu deter o veículo e então atirou.

Cléo foi baleada na altura da nuca e, ao motorista, contou que sentiu que tinha sido atingida. O condutor ainda continuou o caminho na tentativa de se livrar dos assaltantes e parou no cruzamento das ruas Barreto Sobrinho com Boto de Menezes, ainda no Roger, porém a mulher já estava morta.

O Samu chegou a ser acionado, mas apenas constatou o óbito da mulher. Cléo era muito conhecida na comunidade, pois, apesar de não ser de João Pessoa, participava ativamente das festas no bairro.

O velório acontece na funerária Morada da Paz e o sepultamento está prevista para acontecer nesta segunda-feira (27), no cemitério Senhora da Boa Sentença.

Comentários