Cambistas são levados à delegacia por vender ingressos proibidos na entrada do Almeidão, em João Pessoa

0
64

Sete pessoas que estavam vendendo ingressos proibidos na entrada do Estádio “O Almeidão”, no bairro do Cristo Redentor , em João Pessoa, foram conduzidas para a delegacia por policiais civis, na noite dessa quinta-feira (9). 

No local, estava ocorrendo a partida de futebol entre os times de Botafogo e Náutico. Os chamados “cambistas” foram flagrados comercializando ingressos que são entregues como cortesias pelos clubes e, portanto, não podem ser vendidos. A venda ilegal é considerado crime contra a economia popular . 

A ação policial mobilizou equipes da Delegacia de Defraudações e Falsificações de João Pessoa (DDF-JP), Delegacia Geral da Polícia Civil e 1a Superintendência de Polícia Civil. 

Segundo o delegado Marcos Vasconcelos, o caso já vinha sendo investigado há cerca de um mês , quando o Botafogo procurou a Delegacia Geral da Polícia Civil para denunciar que ingressos cedidos como cortesia estavam sendo comercializados ilegalmente, causando prejuízos ao clube. 

De imediato, o delegado geral da Polícia Civil da Paraíba, Isaías Gualberto, determinou a abertura de investigação para apurar o fato. 

“Instauramos inquérito policial e iniciamos as investigações. Como tivemos informações que os cambistas iriam atuar durante o jogo, montamos uma ação para coibir essa prática ilegal “, afirmou Vasconcelos. 

Os sete “cambistas” foram levados à DDF , onde foram ouvidos e autuados . Os ingressos foram apreendidos  e serão submetidos a perícias. “As investigações irão continuar para descobrimos a origem desses ingressos e as demais pessoas envolvidas”, declarou o titular da DDF.  

 

 Assessoria de Imprensa da Polícia Civil

Comentários