Pai preso por tortura após espancar criança com fio de telefone é liberado na audiência de custódia

0
680

Um homem foi preso na última quarta-feira (28) em Campina Grande por ter espancado o próprio filho diariamente, chegando a usar um fio de telefone para bater na criança de apenas seis anos. O laudo mostra da perícia mostra que as agressões foram severas chegando, inclusive, a deixar marcas são profundas.

“Recebemos informações que essa criança estaria sendo agredida diariamente pelo pai de forma brutal, sofrendo maus tratos. Fizemos levantamento para verificar, constatamos essa situação e imediatamente fizemos a prisão em flagrante pelo crime de agressão e tortura”, contou. O delegado Pedro Ivo, responsável pelo caso.

O acusado, porém, foi liberado pela Justiça após a audiência de custódia nesta quinta-feira (28). O delegado lamentou: “estamos monitorando porque queríamos que o mantivesse preso pelo risco que pode oferecer a essa criança. Ele ainda pode ser condenado mais a frente”.

Comentários