Aneel reduz reajustes de energia elétrica em seis cidades da Paraíba

0
114

A Aneel aprovou nesta terça-feira (26) novas tarifas para cinco distribuidoras de energia elétrica (Cepisa, Eletroacre, Energisa Borborema, Light S.A. e Enel Rio) que refletem os descontos da quitação antecipada da chamada Conta-ACR, e na Paraíba as cidades atendidas pela Energisa Borborema, na região de Campina Grande, terão um reajuste menor do que o previsto.

A redução será de até 2,50% no aumento da conta de luz da Energisa Borborema (EBO), que cobre Campina Grande, Queimadas, Fagundes, Boa Vista, Massaranduba e Lagoa Seca.

O cálculo da revisão tarifária extraordinária considera o abatimento da parcela do empréstimo na Conta de Desenvolvimento Energético – CDE, e ajustes nas parcelas referentes a outras rubricas da CDE (CDE USO, CDE Decreto).

O diretor relator do processo Rodrigo Limp ressaltou a ação da Agência no processo de quitação do empréstimo e na busca para reduzir os valores das tarifas de energia no Brasil. “Temos buscado medidas para reduzir as tarifas, mas com o equilíbrio necessário para remunerar adequadamente as distribuidoras e manter a qualidade do serviço”, afirmou.

Confira abaixo como ficam as tarifas das distribuidoras Energisa Borborema (EBO), que atende à região de Campina Grande na Paraíba, e Cepisa, Eletroacre, Light S.A e Enel Rio após o recálculo:

Segundo a Aneel, essa alteração representa a redução de custos de R$ 6,4 bilhões neste ano, com o impacto médio de redução de 3,7% nos reajustes das tarifas em 2019, e de R$ 2 bilhões em 2020, com o desconto de 1,2% nos reajustes tarifários de 2020. Com isso, os consumidores deixarão de realizar os desembolsos mensais para a conta entre outubro de 2019 e abril de 2020.

Comentários