Pai e filho que tentaram matar mototaxista em shopping na PB ganham liberdade

0
71

Já estão em liberdade pai e filho acusados de tentar matar um mototaxista em Campina Grande.

O alvará de soltura beneficiando Williams Arruda Sobrinho e o filho dele Weverton Guedes de Arruda foi determinado pelo 1º Tribunal do Júri da Comarca de Campina Grande e assinado pelo juiz Bartolomeu Correia Lima Filho, presidente do 1º Tribunal do Júri.

Eles foram postos em liberdade na última sexta-feira, 1º de março.

Os dois estavam presos no Presídio de Segurança Padrão desde o dia em que se entregaram a Polícia Civil, em 18 de janeiro.

A tentativa de homicídio contra o mototaxista José Tiago da Silva, de 30 anos ocorreu no dia 14 de janeiro no estacionamento do Shopping Luíza Motta, no Catolé.

Blog do Márcio Rangel

Comentários