Com fracasso de público, bloco ‘Muriçocas do Miramar’ não empolga e desfila com Epitácio Pessoa vazia

0
11009

O título de maior bloco de arrasto pré-carnavalesco das Muriçocas do Miramar está com os dias contados se depender do desfile ocorrido nesta quarta-feira (27), em João Pessoa. A falta de público gerou uma espécie de comoção nas redes sociais e os internautas atribuíram a organização do bloco, o fracasso do evento.

Vídeos e fotos foram compartilhados pelas redes sociais mostram Epitácio Pessoa vazia onde em anos anteriores não era possível caminhar, devido a multidão que tomava conta da avenida.

Um dos motivos que estão sendo apontados pelos internautas está a violência, que foi registrada no bloco ‘As Virgens de Tambaú’, no domingo (24), onde um jovem foi morto a tiro e confusões e confrontos entre facções foram registrados, além de assaltos.

Neste ano, a organização das Muriçocas disse que o bloco iria se reinventar devido a falta de falta de patrocínios e pela desistência de empresários que estavam dispostos a contribuir, por meio da Lei Rouanet.

Houve, portanto, a retirada dos trios elétricos no formato de blocos de arrasto. Dos mais de 10, este ano apenas dois foram puxados pelos artistas Ramon Schnayder e Beto Movimento. No palco fixo no final da Avenida Tito Silva, houve shows  de Fuba e Elba Ramalho, onde se concentrou um grande número de foliões.

 

Comentários