Presidindo votação no Senado, José Maranhão esquece microfone aberto e dispara: “vou dar uma mijada”; escute áudio

1
7777

O senador paraibano Zé Maranhão (MDB) segurou a vontade de urinar, mas não segurou o verbo com o microfone ligado na cadeira da presidência do Senado, durante sessão de votação para presidente da Casa, neste sábado (2). Ao término da votação e apuração das urnas, o parlamentar soltou a frase: “Eu vou dar uma mijada.”

Depois do que já estava dito, só restou ao senador paraibano rir junto com os colegas da situação inusitada. 

Ele foi ao banheiro cumprir com o “prometido” e foi substituído temporariamente na Mesa Diretora durante apuração das cédulas de votação.

Com parlamento pb

Comentários