Veneziano: “economia de Romero é jogo de cena demagógico e infantil”

0
37

O ex-prefeito de Campina Grande e atual deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) classificou o anúncio do prefeito Romero Rodrigues (PSDB) de reduzir o próprio salário e de seu vice como medida para economizar na administração municipal de “um jogo de cena demagógico e infantil”. Ele lembrou que o próprio Romero aumentou em mais de R$ 35 milhões de reais os gastos da prefeitura com gratificações.

“Isso é uma medida demagógica, uma orquestração infantil, um modelo infantil para querer chamar a atenção”, disse Veneziano.

Veneziano lembrou que a Prefeitura de Campina Grande tem, hoje, cerca de 3 mil servidores comissionados ou contratados por excepcional interesse público, que são, na verdade, na sua opinião, pessoas colocadas na administração para receber dinheiro sem trabalhar e apenas votar em Romero no ano que vem. Ele também lembrou o aumento em mais de R$ 35 milhões nas gratificações concedidas por Romero.

Comentários