STJ nega liminar e prefeito de Bayeux Berg Lima vai continuar preso por tempo indeterminado

0
52

 

A ministra Maria Thereza de Assis Moura, da sexta turma do Superior Tribunal de Justiça, indeferiu nessa sexta-feira (04) o pedido de liminar impetrado pela defesa do prefeito afastado de Bayeux, Berg Lima (Podemos), para que ele aguardasse o julgamento em liberdade.

A decisão será publicada no Diário Oficial da Justiça na próxima terça-feira (08).

Berg está preso no 5º Batalhão de Polícia Militar, em João Pessoa, desde do dia 05 de junho quando foi detido em flagrante sob a suspeita de extorquir um empresário da cidade.

O prefeito também está afastado das funções públicas na cidade. O Tribunal de Justiça da Paraíba marcou para a próxima quarta-feira (09) o julgamento que pode revogar a prisão de Berg.

Mais PB

Comentários