Guarda municipal de Caaporã é preso suspeito de estuprar cunhada de 15 anos

0
279

O guarda municipal da cidade de Caaporã, Valdir Filgueira Batista, 40 anos, foi preso na tarde desta segunda-feira (10), suspeito de estuprar a cunhada de 15 anos. Ele foi pego em cumprimento a um mandado de prisão expedido pela justiça.

De acordo com o delegado Braz Morroni, titular da Delegacia de Caaporã, os pais da garota procuraram o Conselho Tutelar da cidade para denunciar que a filha havia sido estuprada e o cunhado dela era o suspeito.

“O caso vinha sendo investigado há um mês quando os pais da garota descobriram que ela não era mais virgem. Depois disso, os pais pressionaram a adolescente a contar com quem teria se relacionado e ela disse que teria sido o cunhado que a estuprou”, disse o delegado.

Morroni explicou ainda que a família da garota tentou espancar o suspeito quando soube do estupro. “ Foi uma confusão grande. O suspeito era muito querido pela família. A garota disse que vinha sendo estuprada desde os 7 anos”, falou.

Valdir foi levado para a Cadeia Pública de Alhandra. Ele será levado para a audiência pública nesta terça-feira (11). Caso a justiça mantenha a prisão preventiva ele será levado para o Presídio do Roger, em João Pessoa.

Comentários