Catador de reciclagem confessa que matou mulher estrangulada e jogou corpo embaixo da cama para roubá-la, em João Pessoa

0
69

O catador de reciclagem Nilson Alves Neto, 45 anos, foi preso na manhã desta sexta-feira (30) como sendo autor do assassinato de Norma Célia da Silva Rosas, 56 anos. Ela foi encontrada morta embaixo da cama e o corpo enrolado com um lençol. O fato aconteceu no dia 20 de junho no bairro de Mangabeira 4, em João Pessoa.

De acordo com a Delegacia de Homicídios de João Pessoa, Nilson compareceu à delegacia para prestar esclarecimento sobre o crime quando foi cumprido o mandado de prisão expedido pela Justiça.

Em depoimento ao delegado Reinaldo Nóbrega, titular da Homicídios da Capital,  o homem confessou que matou Norma estrangulada para depois roubá-la. Ele vai continuar preso na Central de Polícia Civil onde será levado para a audiência de custódia.

Comentários