Advogada nega pedido de Hugo Motta e diz que dono da UTC não pode ir a CPI

0
64

A advogada Carla Domênico, que defende o dono da UTC, Ricardo Pessoa, avisou à CPI da Petrobras que seu cliente não pode se manifestar na comissão porque a delação premiada que ele fez ainda está sob sigilo. Na última sexta-feira, vazaram informações sobre trechos da delação feita por Pessoa e os deputados reforçaram a necessidade de ouvir, o quanto antes, o dono da UTC na CPI. A convocação de Ricardo Pessoa foi aprovada pela comissão, mas ainda não tem data confirmada para acontecer.

Ao anunciar o comunicado da defesa de Pessoa, o presidente da CPI, Hugo Motta (PMDB-PB), informou que já enviou ofícios ao Supremo Tribunal Federal (STF) e à Procuradoria Geral da República (PGR) indagando quando o dono da UTC poderá ser ouvido pela comissão, mas ainda não recebeu as respostas. A advogada avisou que Pessoa está terminantemente proibido de falar até que o sigilo seja retirado. (com O GLOBO)

 

Comentários