Jovens enfrentam problema para se alistar em João Pessoa e Exército tenta regularizar situação

0
174

O Comando do 1º Grupamento de Engenharia de João Pessoa enviou uma nota, na manhã desta segunda-feira (06), justificando os problemas que os jovens estão enfrentando para fazer o alistamento militar na 1ª Delegacia do Serviço Militar, que fica no Centro da capital.

De acordo com nota, o problema já está sendo resolvido e prevê que nos próximos dias a situação seja cotornada.

Confira a nota:

O 1º Grupamento de Engenharia (1º Gpt E) esclarece que o processo de alistamento militar, que atualmente acontece na 1ª Delegacia do Serviço Militar no Centro da cidade, tem sofrido problemas técnicos no sistema de emissão dos respectivos certificados de alistamento, impedindo a efetiva celeridade no cadastramento dos dados.

Compreendendo a importância da regularização do processo de alistamento e das devidas necessidades individuais de cada cidadão, a 23ª Circunscrição de Serviço Militar já está tomando providências para otimizar tal sistema e reduzir o atraso no andamento de tais cadastramentos. Estimamos que nos próximos dias a situação já volte à normalidade.

O jovem brasileiro tem o prazo de 1º de janeiro a 30 de junho do ano em que ele completa 18 anos para fazer o alistamento, que atualmente pode ser feito on line pelo site www.alistamento.eb.mil.br.

Após fazer o cadastro pela internet, o jovem passa por etapas de aprovação ou eliminação. Se ele for aprovado seguirá para as etapas presenciais dentro das Organizações Militares. Caso não aprovado no processo on line, ele deve seguir pessoalmente para a Junta de Serviço Militar mais próxima, a fim de adquirir seu Certificado de Dispensa de Incorporação (CDI).

Comentários