Vice acusa Paulo Maia de descumprir promessas e escantear diretoria da OAB

0
37

Nesta sexta-feira (27), o vice-presidente da OAB-PB, Raoni Vita, denunciou que o líder da seccional, Paulo Maia, não está cumprindo com uma das suas principais promessas de campanha: o fim da reeleição. O caso veio à tona depois que a tesoureira da Ordem, Tainá Freitas, por meio de uma postagem na sua rede social, denunciou o racha.
“Creio que não é segredo para nenhum advogado paraibano que atualmente existe uma grave fissura nos quadros do Conselho Seccional da OAB Paraíba. Penso eu, que divergências de pensamento que naturalmente surgem no decorrer de uma gestão são normais. O que não se pode permitir é que tais diferenças sejam motivo de desrespeito com os membros que compõem a Ordem dos Advogados do Brasil, sejam eles Diretores, Conselheiros, Membros de Comissões, integrantes da Caixa de Assistência dos Advogados e Representantes do Estado junto ao Conselho Federal […]”, publicou.

Em entrevista ao programa Rádio Verdade, da Arapuan FM, Vita afirmou que Maia vem isolando os outros diretores da mesa por motivos políticos e desistiu de colocar em prática o seu compromisso de acabar com a reeleição. Perguntado se a intenção de Paulo é se tornar presidente novamente, ele respondeu:
“É o único motivo, não há nenhuma outra fissura administrativa que explique isso. Em todas as votações, estávamos únicos, sempre a favor da diretoria, só pode ser por motivos políticos. Agora ele manda com mãos de ferro, de maneira encastelada”, disse.

Comentários