“Demandas reprimidas do Estado junto ao Governo Temer tem que ser respeitadas”, alerta Tôrres

0
50

O secretário de Comunicação Institucional do Governo do Estado, jornalista Luís Tôrres, disse durante entrevista nesta sexta-feira (02) que as demandas reprimidas do Governo do Estado junto ao Governo do presidente Michel Temer (PMDB) têm que ser respeitadas. Tôrres já tinha afirmado à imprensa que o governador Ricardo Coutinho (PSB) não irá admitir qualquer tipo de perseguição ao Estado.

Para o secretário, a opinião pessoal de um gestor não pode se confrontar a realidade. “Querendo ou não quem é o presidente da República Federativa do Brasil, Michel Temer! Então independentemente da leitura política que você for fazer, se ele entrou por caminhos tortos ou não, ele é o chefe de estado. O que acontece é que algumas pessoas aqui da Paraíba, não conseguem enxergar nem quando um governador democraticamente é eleito pelo voto como é Ricardo Coutinho”, disse Torres em referência o grupo do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) que teria inclusive pedido auditoria nas urnas eletrônicas pós-pleito de 2014.

“Portanto, independente da posição política do governador, ele não vai fazer qualquer leitura que vá além do debate. “Qual é o debate hoje? Esperamos ter o retorno das demandas reprimidas para a Paraíba e para o Nordeste. Esse é o debate que o governador vai fazer junto a União” afirmou.

Comentários