Veneziano faz mais uma caminhada na Liberdade e anuncia pacote de obras

0
59

Após realizar caminhada por várias ruas do bairro da Liberdade, na tarde-noite desta sexta-feira, 09, o candidato a prefeito pela Coligação “Campina Pensando Grande”, Veneziano Vital do Rêgo, ao lado do vice, Filipe Gaudêncio, anunciou que a região será contemplada com importantes benefícios a partir de 2017, com a chegada do VLT – metrô de superfície, com passagem a 1 Real, reabertura do restaurante popular, implantação do projeto Wi-Fi, iniciativas na área de esportes para a juventude e reestruturação do Centro de Saúde.

De casa em casa, Veneziano começou a caminhada na Rua Prudente de Morais, no largo da Estação Velha, mais conhecida como Rua do Fogo. Homens, mulheres e jovens ficaram nas portas aguardando a momento da chegada do candidato.

No local, moradores agradeceram pelos investimentos que a Prefeitura, à época de Veneziano, na obra de melhoria do Pólo Jurídico, com a drenagem e urbanização de ruas, num investimento da ordem de R$ 600 mil (recursos próprios). No local estão instalados os edifícios em que funcionam o Fórum Afonso Campos, Tribunal do Júri, Justiça Federal, Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Núcleo de Apoio Técnico às URNAS (Natu) e o depósito judiciário. A obra também beneficiou as famílias que residem naquela região.

O POVO NA RUA – A caminhada seguiu pela Rua Paraíba e depois no chamado centro comercial da Liberdade.

A caminhada foi encerrada ao lado da Praça Evonilson Menezes, onde o Governo construiu um Ginásio Poliesportivo e, na atual gestão, os moradores denunciam que a Prefeitura está cobrando uma taxa de R$ 20,00 para que os jovens possam jogar futebol de salão na quadra.

No encerramento, Veneziano disse que nas duas últimas eleições, o bairro da Liberdade respondeu ä altura aos que diziam que o bairro tinha dono: “Muito pelo contrário, vencemos aqui em 2004 e em 2008. E, com as graças de Deus, vamos vencer de novo este ano”.

O candidato do PMDB ao lembrar que foi a sua gestão que asfaltou várias ruas do bairro e recuperou o Mercado Público, lamentou que o Governo do PSDB não tenha compromisso com o social ao ter fechado a cozinha comunitária da Liberdade: “Nós vamos reabri-la e ainda vamos introduzir o lanche por apenas R$ 0,50 (cinquenta centavos)”, arrematou Veneziano, que foi aplaudido pelo povo e pelos candidatos a vereador que estavam presentes.

Comentários