Ibope aponta liderança folgada de Russomano em SP, Marta larga em segundo

0
41

O deputado Celso Russomanno (PRB) permanece na liderança da disputa à prefeitura de São Paulo, com 33% das intenções de voto. Em segundo lugar e isolada na posição, vem a senadora e ex-prefeita Marta Suplicy (PMDB), com 17% das intenções de voto. Na terceira colocação, estão o atual prefeito Fernando Haddad (PT), João Dória (PSDB) e Luiza Erundina (PSOL), todos com 9%. A pesquisa do Ibope foi divulgada nesta terça-feira e encomendada pela TV Globo e pelo jornal O Estado de S. Paulo.

Na sequência, aparecem os candidatos Major Olímpio (Solidariedade), com 2% das intenções de voto; Altino Menezes (PSTU), João Bico (PSDC), Levy Fidelix (PRTB), Ricardo Young (Rede), todos com 1%; Henrique Áreas, 0%. Brancos e nulos somaram 13% e 4% dos entrevistados não souberam ou não responderam.

O instituto ouviu ao todo 805 eleitores da capital entre os dias 19 e 22 de agosto. A margem de erro é de três pontos porcentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP).

Se a eleição acontecesse hoje, a disputa iria para o segundo turno, pois Russomanno não tem mais da metade dos votos válidos (excluídos os brancos e nulos). A pesquisa divulgada hoje não contabiliza a reação do eleitorado ao desempenho dos candidatos no primeiro debate, realizado ontem na TV Bandeirantes.

Em relação à última pesquisa, divulgada em 29 de julho, todos os candidatos tiveram acréscimos nas intenções de voto. Mas Marta foi a que mais cresceu, com sete pontos porcentuais a mais; seguida por Russomanno, com quatro a mais; Haddad e Doria, com dois; e Erundina, um. Consequentemente, os brancos e nulos diminuíram de 18% para 13%.

O prefeito Haddad é o que tem o maior nível de rejeição entre os candidatos (52%), seguido por Marta (35%), Erundina (25%), Russomanno (24%) e Levy Fidelix (22%).

Comentários