Planalto trabalha por julgamento do impeachment no final de julho

0
29

O Palácio do Planalto já trabalha com um prazo mais curto para a conclusão do processo de julgamento do impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff.

O governo aposta na aprovação de uma questão de ordem que pede a atualização das regras do processo.

Com isso, os trabalhos na Comissão do Impeachment poderiam ser encurtados em até três semanas.

No Planalto, a expectativa, nesse cenário, é até o final de julho Michel Temer deixaria de ser presidente em exercício para ficar efetivo no cargo.

Com isso, poderia estar no comando do Palácio do Planalto na abertura dos Jogos Olímpicos.

Comentários