Posto de Saúde do Parque do Povo atende mais de 200 pessoas

0
0

O posto de saúde instalado pela Prefeitura de Campina Grande no Parque do Povo atendeu 216 pessoas no primeiro final de semana d’O Maior São João do Mundo. Todos os casos, atendidos pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde, foram sem gravidade, geralmente por excesso de ingestão de bebida alcoólica ou por queda da própria altura.

A maioria das pessoas atendidas foi de mulheres e a faixa etária maior é de crianças (a partir de 9 anos de idade) aos idosos até 76 anos. A taxa de resolutividade dos casos atendidos é de 100% e, os poucos pacientes que foram transferidos para unidades hospitalares, foram removidos somente em função do horário, uma vez que o posto de saúde funciona apenas no horário oficial do evento.

Em três dias de festa, a média foi de 72 atendimentos por dia, o que é considerado baixo para o tamanho do público. “Estamos extremamente satisfeitos com o resultado do primeiro fim de semana, uma vez que tivemos apenas pacientes com casos simples, solucionáveis no próprio posto”, avaliou o secretário de Saúde, médico Gilney Porto.

O posto de saúde, que fica na arena principal do Parque do Povo, tem doze leitos de enfermaria e um leito de UTI, com médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem em todas as noites. Além disso, duas ambulâncias ficam mobilizadas em pontos estratégicos, assim como maqueiros volantes para realizar o atendimento de forma móvel em qualquer espaço da festa.

A rede hospitalar de assistência foi montada com o Complexo Hospitalar Municipal Pedro I sendo a referência de atendimento clínico, as duas Unidades de Pronto Atendimento para suporte e o Hospital de Trauma e Emergência para os casos de acidentes. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) foi preparado para realizar os atendimentos de emergência e resgate.

Nos distritos de Galante e São José da Mata, as festas são atendidas com ambulâncias de prontidão para os casos necessários. A Secretaria de Saúde também realiza o trabalho de fiscalização e o acompanhamento às questões sanitárias, com a Gerência de Vigilância Sanitária (Gevisa) e testagem para covid-19 e outras infecções com a Direção de Vigilância em Saúde, inclusive no Parque do Povo, no aeroporto, no terminal rodoviário e nas rodovias federais. A equipe também realiza ações educativas de prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

Comentários