CG tem aumento de 77% nos casos de dengue e chikungunya em quatro semanas

0
0

Campina Grande registrou aumento da procura por unidades de saúde por pessoas com sintomas de arboviroses como dengue, zika e chikungunya. Dados repassados ao ClickPB, nesta terça-feira (7), mostram crescimento de 77% no número de casos confirmados entre a primeira e a última quinzena de abril deste ano.

O bairro Nova Brasília, por exemplo, teve um salto do zero casos nas duas primeiras semanas de abril para oito casos de dengue e 17 de chikungunya na terceira e quarta semana. No bairro da Prata, foram dois de dengue e oito de chikungunya na última quinzena do mês avaliado.

Foram 24 casos confirmados de dengue e chikungunya na primeira quinzena e outros 106 na segunda metade do mês de abril, em Campina Grande, segundo calculou o ClickPB.

João Pessoa

O ClickPB procurou a Secretaria de Saúde de João Pessoa, a qual informou que deve ter dados consolidados a partir do dia 10 de junho.

Estado

Já a Secretaria de Estado da Saúde disse que o sistema do Ministério da Saúde está fora do ar, mas adiantou que o Hospital Clementino Fraga, referência no tratamento de arboviroses, ainda não está sentindo na entrada essa demanda aumentada. De toda forma, a Secretaria de Estado da Saúde alertou para o crescimento de casos e óbitos por dengue, zika e chikungunya e recomendou que todos possam se envolver nos cuidados para evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti.

Dados de Campina Grande sobre arboviroses nos bairros:

Comentários