Empresária acusada de matar marido a tiros em Sapé vai a júri popular

0
0

A empresária Taciana Ribeiro, acusada de matar a tiros o marido, o também empresário Helton Pessoa vai a júri popular. O pronunciamento foi feito nesta segunda-feira (2), pelo juiz de Direito o Anderley Ferreira Marques

O crime ocorreu no dia 10 de abril de 2020, na fazenda Zumbi, no município de Sapé, onde a família estava isolada por causa da pandemia do novo coronavírus.

Anderley Ferreira Marques concluiu que os elementos de convicção foram analisados em seu conjunto e constituem indícios suficientes da autoria, autorizando a submissão da ré ao julgamento plenário no Tribunal do Júri.  Taciana deverá ser julgada Logo, a acusada será julgada pelo conselho de sentença por homicídio duplamente qualificado por motivo fútil e à traição, emboscada, ou mediante dissimulação ou outro recurso que dificulte ou torne impossível a defesa do ofendido.

A assistência de acusação da vítima que é composta pelos advogados Daniel Alisson, Mirella Cristina, Rômulo Bezerra, visando à possibilidade de fuga da acusada após esta decisão, protocolou pedido de decretação de prisão preventiva com revogação de medidas cautelares e que o seu passaporte seja confiscado a fim de inviabilizar eventual fuga do país.

Comentários