Antes de ser preso, padrasto disse que era inocente e ajudava encontrar garota, em JP: “estou me sentindo ameaçado”

0
1

Francisco Lopes, que é namorado da mãe de Júlia, conversou com a imprensa e negou que tenha desaparecido com a Júlia dos Anjos, 12 anos.

O padrasto disse que estava se sentindo ameaçado e estava colaborando com as investigações para encontrar a menina. Ele foi preso pela Polícia Civil suspeito de homicídio.

De acordo com o delegado Rodolfo Santa Cruz, Francisco teria confessado que matou a menina e indicou onde o corpo estava. A Polícia Civil foi até o local na manhã desta terça-feira (12) e encontrou um corpo na região da Praia do Sol, no bairro de Gramame.

Comentários