TRE aplicará “punição severa” para evitar fake news nas eleições, diz presidente

0
0

O desembargador Leandro dos Santos, presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), afirmou que a Justiça Eleitoral espera um pleito com tranquilidade apesar do clima de divisão política no país. Para o desembargador, uma das principais batalha será no combate às notícias falsas, que não serão toleradas, segundo Leandro dos Santos.

“O pleito deste ano tem a características da animosidade, e temos que ter essa visão e a preparação para não sermos surpreendidos”, destacou o desembargador em entrevista à TV Cabo Branco. Apesar disso, o desembargador acredita que o pleito ocorrerá no com naturalidade.

Outro ponto destacado pelo desembargador é o combate às notícias falsas. “As fake news são consequência da internet que favorece a utilização do mecanismo de forma não republicana. Vamos aplicar punição severa para evitar essa prática”, avisou.

O presidente do TRE lembrou a diferença entre propagar mentiras e ter posicionamento político. “Você se posicionar como cidadão, na crítica, mas a diferença é ofender, subverter o fato com uma notícia falsa para atingir um objetivo que é macular a honra das pessoas ou pregar estados totalitário. Isso não vamos permitir”. destacou.

O desembargador afirmou que não acha que é preciso defender a urna eletrônica, já que o sistema de votação está consolidado do país.

Comentários