Estudante de medicina é assassinada em JP e ex-namorado é preso em flagrante, diz PC

0
2

O jovem empresário Johannes Dudeck, de 31 anos, preso em flagrante neste sábado (12), em João Pessoa, suspeito da morte da estudante de medicina de 22 anos, Mariana Thomas Oliveira.

Ela foi encontrada morta em um AP no bairro de Cabo Branco, na capital. A prisão do empresário Johannes Dudeck, de 31 anos, ocorreu no local do crime. De acordo com o delegado de Homicídios, Joames Oliveira, incialmente se pensava ser morte natural. Posteriormente, a perícia constatou a lesão no pescoço.

Segundo laudo da GEMOL, a vítima foi morta por estrangulamento. O suspeito prestou depoimento e segue preso na Central de Polícia onde aguarda audiência de custódia.

Comentários