Após 60 crianças tomarem vacina de adulto contra Covid-19, Marcelo Queiroga vai até Lucena nesta segunda

0
315

O ministro de saúde, Marcelo Queiroga visitou no início da manhã desta segunda-feira (17), o município de Lucena, na Paraíba. A visita acontece após 60 crianças serem vacinadas com vacina de adulto contra Covid-19.

Em entrevista a TV Cabo Branco, o ministro afirmou que o momento é de cautela e acompanhamento das crianças que foram vacinadas.

“Temos que fazer um monitoramento rigoroso para verificar a possível ocorrência de eventos adversos. Nós consideramos um erro vacinal”, disse Queiroga.

Marcelo Queiroga também afirmou que a visita acontece após um pedido do presidente Jair Bolsonaro, e que a preocupação é de que dose aplicada nas crianças é três vezes maior que a permitida.

O ministro afirmou que a vacinação de crianças deve ser realizada de forma diferente dos adultos.

“A embalagem de armazenamento das vacinas é diferente. A vacinação das crianças deverá ser feito em local exclusivo”, afirmou o ministro.

Ao menos 60 crianças, de 4 a 11 anos de idade, tomaram a vacina de adulto contra Covid-19 em uma Unidade Básica de Saúde (UBS), na zona rural do município de Lucena, no Litoral Norte da Paraíba. A imunização aconteceu antes da chegada da vacina pediátrica e de acordo com o secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, algumas delas no mês passado.

O secretário explicou que as crianças estão sendo monitoradas e acompanhadas e que serão avaliadas e revacinadas em um período de 30 dias.

“O Ministério Público Federal está apurando se houve um erro ou uma atitude deliberada da auxiliar da enfermagem. E essas crianças estão sendo monitoradas pela Secretaria de Saúde da Paraíba. Felizmente apresentaram eventos adversos habituais da vacina como febrícula e dor no local da injeção”, disse à CNN.

O caso veio à tona na última sexta-feira (14) quando o ClickPB trouxe com exclusividade o assunto a partir de uma denúncia de uma mãe que disse que os filhos tinham sido imunizados antes da chegada da vacina pediátrica. É importante lembrar que a vacina para as crianças é um terço da do adulto e tem rótulo de cor alaranjada, o que é diferente da aplicada no adulto.

As vacinas pediátrica só desembarcaram na Paraíba na tarde da última sexta-feira (14), no Aeroporto Internacional Presidente Castro Pinto, na Região Metropoltana de João Pessoa. Naquele dia chegou o primeiro lote com 23.600 doses. A distribuição para os municípios só ocorreu no sábado (15).

Comentários