Rossana Sá pede exoneração do cargo de secretária-executiva da Saúde de JP

0
47

A médica Rossana Sá pediu exoneração do cargo de secretária-executiva da Saúde da Prefeitura de João Pessoa. Em uma longa carta, a médica explicou que entrega a função para realizar projetos pessoais. O prefeito Cícero Lucena anunciou o médico Luís Ferreira de Sousa Filho como substituto. A cerimônia de posse ocorre nesta terça-feira (21), às 11h, no auditório do Centro Administrativo, em Água Fria.

Na carta que divulgou, Rossana afirmou os motivos da decisão. “Adiei muitos sonhos neste ano, entre eles o da maternidade, mas sei que o tempo de Deus é bom, perfeito e agradável. Por fim revestida com a vontade de fazer o bem e coragem que vem do Alto, arregaço as mangas nessa nova estrada! Deixo a função de auxiliar do Executivo municipal com a convicção de ter dado meu melhor pelo povo de João Pessoa”.

A ex-secretária pediu exoneração quatro dias após o ex-secretário Fábio Rocha deixar o comando da pasta, também alegando motivos pessoais. Para o lugar o prefeito escolheu Margarethe Diniz, médica e ex-reitora da UFPB. Ela já tomou posse na última sexta-feira.

Confira a carta

Bom dia pessoal

Começo esta carta agradecendo a Deus, a minha família, meu esposo, cuja compreensão e o amor foram fundamentais para me manter de pé diante da batalha que travei para salvar vidas desde o dia 1° de janeiro deste ano.
Na verdade, a luta pela vida sempre fez parte do meu dia a dia como médica.

Agradeço do fundo do meu coração a cada trabalhador e trabalhadora da Saúde que deixou sua família para ir para a “linha de frente” no combate a este inimigo invisível que vitimou tantos colegas, amigos e familiares. A história guardará para sempre os nomes desses heróis e heroínas.

Não poderia deixar de registrar a certeza do dever cumprido para com a minha amada João Pessoa, por quem dediquei todas as minhas energias e meu intelecto nos últimos 353 dias. Igualmente, destaco minha gratidão ao prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena e ao vice-prefeito, Leo Bezerra .
Não foram tarefas fáceis as tarefas que recebi e nenhum livro ou academia poderia nos preparar para a dureza que enfrentamos no momento mais difícil da Pandemia da COVID-19. Lágrimas, dor e tristeza muitas vezes pareciam não ter fim, mas com fé em Deus e na ciência podemos dizer que viramos o jogo. A retomada das atividades econômicas, sociais e da própria esperança mostram que fizemos as escolhas certas.
Nosso povo voltou a sorrir.
Esta é minha maior recompensa. Contudo alerto que não devemos baixar a guarda!

Revestidos com a vontade de fazer o bem e a coragem que vem do Alto, arregaçamos as mangas e conseguimos em tempo recorde ampliar em 500% o número de leitos de UTI. Cada respirador conquistado era comemorado com a certeza de levar esperança aos pacientes e suas famílias. Fomos ágeis, precisos e eficientes na ampliação da estrutura hospitalar para acolher todos que procuraram a Secretaria Municipal de Saúde. A vacina chegou e rapidamente alcançamos todos os públicos alvos, muitas vezes o Brasil aplaudiu nossos “corujões” da vacina. João Pessoa conquistou posição de destaque nacional.
Agradeço em especial a todos os secretários municipais que direta ou indiretamente contribuiu para as ações da SMS João Pessoa. Deus abençoe abundantemente suas vidas. E estarei à disposição de todos que por ventura precisarem de assistência à saúde , seja no centro cirúrgico ou no consultório.

Rossana Maria da Nova Sa

Comentários